Eventos LASSOS, Seminários

Seminário LASSOS com Ana Clara Rebouças

 

Convidamos a todos e todas para o Seminário LASSOS Prevençaõ da violência e do crime violento: reflexões sobre o “chegar antes”, no dia 07 de dezembro de 2018, às 14h, no auditório da Escola de Administração da UFBA, com participação de Ana Clara Rebouças, docente do Departamento de Odontologia Social e Pediátrica (UFBA) e doutora em Saúde Pública pelo Programa de Pós-Graduação do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia (ISC/UFBA).

A professora Ana Clara Rebouças é mestre e doutora em Saúde Pública pelo Programa de Pós Graduação do Instituto de Saúde Coletiva (ISC – UFBA), na área de concentração das Ciências Sociais da Saúde, integrando o Programa Integrado FASA – Família e Saúde: Contextos, Trajetórias e Políticas Públicas (ISC – UFBA). Participou do Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior (PDSE – CAPES) na Universidade de Bolonha, Itália (2015 – 2016). Desenvolve atividades de pesquisa, ensino e extensão nos seguintes eixos temáticos: violência e saúde; abordagens preventivas da violência; temas em segurança pública e suas interfaces com o setor saúde; intersetorialidade, participação e políticas públicas. Atualmente participa dos seguintes grupos de pesquisa (Diretório CNPq): Segurança Pública, Direitos Humanos, Justiça e Cidadania (UFBA); e do Laboratório de Estudos sobre Crime e Sociedade (LASSOS – UFBA). É docente do Departamento de Odontologia Social e Pediátrica (UFBA), onde participa das disciplinas que compõe a Saúde Coletiva na referida instituição.

No seminário, serão discutidas estratégias possíveis de prevenção à violência ou o como “chegar antes” do resultado violento/criminoso. Nas palavras da professora:

A violência é considerada um dos cinco problemas prioritários do mundo, segundo o Relatório Mundial sobre a Prevenção da Violência (OMS, 2014). De acordo com este documento, muitos países estão desenvolvendo políticas públicas e planos de ação voltados à prevenção, mas não em níveis adequados e compatíveis com a dimensão e a gravidade do problema. O Brasil não foge à regra, e tem apresentado índices de violência expressivos que a tornam um problema social e de saúde pública de grande relevância, em nuances diversas de magnitude e impactos, sendo a capital baiana um dos casos de crescimento considerável de taxas de mortalidade por causas violentas na última década (WAISELFISZ, 2016). O presente seminário parte de um recorte da tese de doutoramento – Agir e interagir na prevenção da violência: estudo em um bairro popular de Salvador/Bahia (CARVALHO, 2016) – de modo a compartilhar problematizações em torno da temática em foco. Propõe ainda processos reflexivos acerca das noções e práticas preventivas em face de determinadas dinâmicas violentas e/ou de crimes no referido contexto e no bojo do Programa Pacto pela Vida da Secretaria de Segurança Pública do Estado.

Compareçam e participem!

O quê? Seminário LASSOS sobre Prevençaõ da violência e do crime violento: reflexões sobre o “chegar antes”
Quando? 07 dedezembro de 2018, às 14h
Onde? Auditório da Escola de Administração da UFBA (Av. Reitor Miguel Calmon, s/n – Vale do Canela, Salvador – BA, 40110-903)

Eventos LASSOS, Seminários

Seminário Lassos – Justiça Restaurativa e os Direitos das Mulheres, com Juliana Tonche (PPGCS/UFBA)

Convidamos a todos para o Seminário LASSOS Justiça Restaurativa e os Direitos Humanos das Mulheres, no dia 28 de setembro de 2018, às 14h, na sala de videoconferência (Pavilhão de Aulas Raul Seixas, campus de São Lázaro/UFBA), com participação de Juliana Tonche, pós-doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Universidade Federal da Bahia (PPGCS/UFBA).

A professora Juliana Tonche é doutora em Sociologia pela Universidade de São Paulo (2015),  com período-sanduíche na Universidade de Ottawa, mestre em Sociologia (2010) e graduada em Ciências Sociais (2007) pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Fez pós-doutorado também na Universidade de São Paulo, junto ao Departamento de Sociologia, entre 2015 e 2018 e iniciou, recentemente, o pós-doutorado no PPGCS/UFBA. Tem experiência na área da Sociologia, com ênfase em Sociologia da administração de conflitos e Sociologia das profissões, tendo atuado principalmente no tema da justiça restaurativa.

No seminário, será discutida a justiça restaurativa, refletindo sobre sua aplicação aos casos de violência contra as mulheres. Nas palavras da professora:

Ocorreu recentemente em nosso país um processo de institucionalização da Justiça Restaurativa (JR) como uma política pública nacional de justiça. Desde 2016, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) passou a apoiar e incentivar o uso deste novo modelo de gestão de conflitos para um maior número de casos, incluindo aqueles que envolvem a violência contra a mulher. Assim, serão discutidos nesta apresentação aspectos teóricos e práticos relacionados à JR que podem dar subsídios para a reflexão sobre as possibilidades de sua utilização nestes casos, considerando as especificidades que marcam a violência de gênero e a resposta estatal à mesma.

Compareçam e participem!

O quê? Seminário LASSOS sobre Justiça Restaurativa e os direitos humanos das mulheres
Quando? 28 de setembro de 2018, às 14h
Onde? Sala de videoconferência, Pavilhão de Aulas Raul Seixas – Campus de São Lázaro/UFBA (Estrada de São Lázaro, n.º 197, Federação, Salvador/BA)

Eventos LASSOS

Seminário Lassos com Hollis Moore (EKU/EUA)

Convidamos a todos para o próximo Seminário Lassos, no dia 30/07/2018, às 14h, na sala de videoconferência do Pav. de Aulas Raul Seixas, Campus de São Lázaro (UFBA), com a participação de Hollis Moore, professora visitante na School of Justice Studies da Eastern Kentucky University (EUA). A professora é mestre em Antropologia Social pela London School of Economics, doutora em Antropologia Sociocultural pela University of Toronto e desenvolveu pesquisa etnográfica entre os anos de 2010 e 2012 no Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador/BA.

Com base nesse trabalho de campo, sua apresentação, nas palavras da palestrante, “documenta como uma mãe marginalizada, Andreia, passa a valorizar positivamente o encarceramento da filha. Abordo o aprisionamento a partir da perspectiva de práticas de parentesco ou relacionamento, aquelas ações através das quais o parentesco e outros laços significativos engrossam, se diluem, se acumulam ou se dissolvem. Através de uma análise da história de vida de Andreia e das suas lutas atuais, identifico algumas das principais dimensões da insegurança (desta época) no meio perigoso dos (…) bairros periféricos de Salvador e, também, as estratégias de gênero e classe utilizadas pelos atores sociais altamente penalizados, particularmente mulheres adultas, para manter a vida familiar (…)”.

Veja resumo completo do trabalho e compareça, para debate e discussão!

O que? Seminário Lassos com a Profa. Hollis Moore (EKU/EUA)
Quando? 30 de julho de 2018, às 14h
Onde? Sala de videoconferência do Pavilhão de Aulas Raul Seixas, do Campus de São Lázaro (UFBA) – Estrada de São Lázaro, n.º 197, Federação, Salvador/BA.

Eventos LASSOS

Seminário LASSOS com Felipe Freitas

Convidamos a todos para nova edição do Seminário LASSOS, no dia 15 de junho de 2018, às 14h, na sala de videoconferência do Pavilhão de Aulas Raul Seixas (FFCH/UFBA), com Felipe Freitas, doutorando em Direito pela UnB, que apresentará sua dissertação de mestrado, defendida na mesma instituição, com o título “Discursos e práticas das políticas de homicídios: Uma análise do ‘Pacto Pela Vida’ do Estado da Bahia (2011-2014)”.

Confira resumo da dissertação:

O presente trabalho busca analisar os conceitos e estratégias adotados em relação ao controle de homicídios a partir da análise do Plano Estadual de Segurança Pública da Bahia e dos documentos do programa Pacto pela Vida instituído em 2011. A investigação ampara-se na teoria fundamentada nos dados para estudar os conceitos apresentados nos documentos oficiais do referido programa e analisar as tendências em termos de modelos de leitura e de resposta às situações problemáticas que os homicídios constituem, apontando as ideias referentes a avaliação e gestão de políticas de segurança pública. Tais debates amparam-se no referencial teórico da criminologia crítica e da análise cognitiva das políticas públicas.

Aguardamos a presença de todas e todos!

O quê? Seminário LASSOS com Felipe Freitas – “Discursos e práticas das políticas de homicídios: uma análise do ‘Pacto Pela Vida’ do Estado da Bahia (2011-2014)”
Quando? 15 de junho de 2018, às 14h
Onde? Sala de videoconferência, Pavilhão de Aulas Raul Seixas – Campus de São Lázaro – Universidade Federal da Bahia (Estrada de São Lázaro, n.º 197, Federação – Salvador/BA)

Notícias

II Congresso Internacional de Segurança e Defesa

Divulgamos a realização do II CISD – Congresso Internacional de Segurança e Defesa, entre os dias 06 e 09 de novembro de 2018, nas Faculdades de Administração e de Direito da Universidade Federal da Bahia. Promovido pela Uni-CV, UFBA, UFPA, UEA, UERR, UVV e UAL, por meio de seus Programas de Pós-Graduação em Segurança Pública, Direito e Relações Internacionais, o CISD tem por objetivo discutir em conjunto com a sociedade os novos caminhos da segurança pública e da defesa das fronteiras internacionais, como foco específico no debate dos temas cidades, criminalidades, tecnologias e diversidades.

Dentre os 42 Grupos de Trabalho que terão lugar durante o congresso, o LASSOS coordenará dois:

  • GT 01 – Homicídios e Regulação da Morte, Profa. Mariana Thorstensen Possas (LASSOS/UFBA)

    O GT aborda as temáticas de trajetórias intra-urbanas das mortes por homicídio. Taxa de mortalidade por homicídio. Mecanismos intersetoriais associados à prevenção. Determinantes sociais e conexões entre (convergência e divergência) violência, homicídios, legalidade, ilegalidade e justiça social (legitimidade). Expressões de setores da administração pública e sociedade civil desses fenômenos.

  • GT 08 – Encarceramento e Medidas Socioeducativas, Prof. Luiz Cláudio Lourenço (LASSOS/UFBA) e Profa. Claudia Moraes Trindade (UNEB)

    O GT aborda as questões do encarceramento, sistema prisional e justiça. Avanços da criminalidade urbana e o cotidiano social fundado no medo, estigmatização e suas repercussões e relações com o sistema prisional. Discute em perspectiva transdisciplinar, o sistema socioeducativo tendo por referência os preceitos posto na Lei 8.069/90 – Estatuto da Criança e do Adolescente. O Movimento Social Brasileiro em Defesa dos Direitos da Infância.

As inscrições de resumos estão abertas até o dia 30 de junho de 2018, conforme modelo. Mais informações e programação completa no site do evento.